14/07/2017

Projetos de Interiores e Arte

Se tem uma característica que eu como arquiteto vejo cada vez mais presente no gosto do brasileiro, é o apreço por arte. E neste aspecto, acredito que a arquitetura contemporânea está também caindo cada vez mais no gosto das famílias brasileiras. A linearidade e o minimalismo dos projetos de interiores conduzidos pela arquitetura contemporânea, permitem que a arte tenha mais visibilidade.

Arte na decoração de uma casa

A arte vai além de um simples objeto de decoração em uma casa ou escritório. Ela comunica o estilo que aquela pessoa ou família possui. Um ou vários estilos. A arte abstrata, traduz pessoas mais reservadas, quem sabe? Pode ser que sim. E é este o grande esquema dos projetos arquitetônicos: mostrar o que é aberto e acessível ao público. Reservar o que merece reserva e preserva.

A arte pode estar estampada em paredes de cores puras – está aí um dos motivos de eu usar muito cinza e texturas de concreto nas paredes. Pode ser traduzida em estátuas e móveis com design diferente do habitual. A arte pode estar nos detalhes de um espaço, ou ser o grande atrativo de um projeto. O que interessa a mim atualmente, é saber que a arte pode e está cada vez mais tendo espaço nos projetos arquitetônicos que eu faço. Não apenas por que eu desejo, gosto e me representa como arquiteto, mas especialmente porque as famílias estão mais antenadas destes pequenos grandes detalhes.